Sorvete de Morango

De volta da Nova Zelândia, trouxemos na mala algo que nos rendeu boas risadas dos nossos amigos de lá: uma sorveteira elétrica… Digamos que não é bem algo que se traz de viagem, mas neste caso, fazendo as contas do quanto gastamos anualmente em sorvete no Brasil, a gente achou que valia a pena o investimento… E se existe um grande defeito nosso, é ser um casal meio sacoleiro (haja bugiganga!), especialmente, nas viagens…

Meu sorvete predileto é o de morango, mais especificamente o da Häagen-Dazs. O sorvete deles não tem aquele corante rosa horrível que a gente vê por aí, ou espessantes de origem duvidosa… Tem pedaços da fruta mesmo e o sorvete tem gosto de… adivinha… morangos! Mas digamos que o preço deles não seja algo que os torne acessível para se consumir sempre.

Bom, o primeiro teste foi o clássico sorvete de baunilha, que mais parecia um crème brûlée de tão delicioso. Para o sorvete de morango, então, usamos ele como base e só acrescentamos a fruta no final. O resultado ficou totalmente empatado com a marca americana.

Confesso que desde que adquirimos a máquina de sorvete, temos nos tornado máquinas de comer sorvetes… mesmo assim, desconfio que devemos fazer uma boa economia nas compras no final das contas…

Ah, e sobre tomar sorvete no inverno? Adoro.

Sorvete de Morango

1 litro e meio de sorvete

  • 500 ml de leite integral
  • 500 ml de creme de leite fresco
  • 400g de morangos (duas caixinhas - orgânico, por favor!)
  • 01 limão
  • 02 colheres de sopa de vinagre balsâmico
  • 01 copo de açúcar demerara
  • 01 vagem de baunilha (ou 01 colher de chá do extrato se não tiver)
  • 04 ovos

Coloque para ferver o leite e o creme de leite com a baunilha (cortada ao meio e junto com as sementes raspadas). Quando levantar fervura, apague o fogo e deixe por uns 20 minutos tampado.

Bata os ovos com o açúcar até ficar um creme claro. Jogue o leite quente nessa mistura e continue batendo. Volte tudo ao fogo, misturando sempre, em fogo brando até engrossar. Deixe esfriar e leve à geladeira.

Numa vasilha, pique os morangos, acrescente 02 colheres de açúcar, o suco do limão e o vinagre. Deixe marinando enquanto o creme esfria. Amasse os morangos ou bata-os no liquidificador.

Quando o creme estiver frio, misture com o purê de morangos. Aí, é só levar a mistura para a máquina de sorvete por aproximadamente 15 minutos. Guarde no congelador e espere pelo menos 1 hora antes de servir. - Como minha sorveteira suporta apenas 1 litro por vez, repeti o processo na máquina 2 vezes (sim, somos exagerados…).

Não tem máquina de sorvete? Aprenda com a Nigella!

Ou seja, se não tiver a máquina, coloque num pote e leve ao congelador. A cada 3 horas, bata a mistura num processador para mantê-la cremosa. Você vai ter que repetir este processo por pelo menos umas 3 vezes.

Para descrever como ficou, faço das palavras da musa Nigella, as minhas:

“Tem sabor de céu azul, do sol batendo nos ombros;
uma memória ideal do verão num formato gastronômico perfeito.”